Pensei e acho que eu faria o negócio que o Mônaco quer

Quando surgiu a notícia que o Mônaco queria Bruno Fuchs e oferecia 7 milhões de euros e mais dois jogadores emprestados, me senti um pouco ofendido, invadido. “O que que esses caras querem? Aumentem esse valor!”

Pois o tempo passou e refleti melhor:

Primeiro que 7 milhões de euros não é qualquer coisa. Estamos falando de mais de 30 milhões de reais. Depois, os jogadores oferecidos são muito interessantes e para posições nevrálgicas e carentes do time: a meia armação (Boschilia) e a lateral esquerda (Jorge).

Fica sempre aquele sentimento de que Fuchs poderia valer mais ali adiante. Claro que poderia! Mas poderia não valer também.

Fuchs é talentosíssimo, mas é zagueiro…função de valores menos elevados pra venda.

Outra: quando? A tendência é que o menino siga na reserva de Moledo e Cuesta, tendo mais dificuldade de mostrar seu futebol e se valorizar no mercado internacional em curto prazo.

Pois eu faria o negócio. Azar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *