Presidente argumenta sobre crítica em relação ao aproveitamento da base

Uma das críticas a direção colorada em 2019 foi em relação ao aproveitamento das categorias de base.

No último sábado, o presidente Marcelo Medeiros foi questionado sobre isso e argumentou:

“É criticada por quem? Por quem não vê futebol. Porque o Internacional tem mais de 11 jogadores, num grupo de 35 atletas… Se não me engano são 13, formados no Inter. Sem contar Sobis, Dourado, que foram formados e já são jogadores rodados, que saíram do Inter. Principalmente o Sobis que saiu e voltou. O Inter tem dois goleiros, Heitor, Roberto, Bruno Fuchs, Erik, Nonato, Zé Gabriel, Pedro Lucas, o Inter tá trabalhando com a vinda do Peglow e, obviamente, que estão se destacando na base, podem vir fazer parte da nossa pré-temporada.”

Para o começo de 2020 a ideia é continuar tendo 1/3 do grupo composto por jogadores oriundos da base, e a utilização no Gauchão deve ser bem expressiva, pela convicção mas também pela necessidade por conta da Pré Libertadores que vai tomar a atenção durante todo fevereiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *